Print this page
02
March

Muaythai: Marisa Pires afastada do curso do Corpo de Intervenção

Publicado por 

Marisa Pires, campeã nacional e europeia de muaythai e subcomissária da PSP, foi afastada do curso do Corpo de Intervenção, avançou o Correio da Manhã esta quarta. O mesmo diário refere que Marisa, de 27 anos, superou as provas físicas e teóricas do curso, com resultados superiores aos de alguns participantes do sexo masculino.

Marisa Pires, guerreira por natureza, tinha ambição de ser a primeira mulher a integrar a unidade do Corpo de Intervenção da PSP, iniciando por isso o curso a 22 de janeiro. A Polícia admitiu no curso 120 agentes e 12 oficiais, num total de 132 alunos.

Segundo comunicado da PSP, que garante não existir qualquer discriminação por Marisa ser agente do sexo feminino, "a formanda do 38.º Curso de Ordem Pública, Subcomissária Marisa Pires, foi eliminada deste curso por aplicação das regras de avaliação constantes do regulamento de frequência do mesmo, na sequência de duas avaliações negativas, consecutivas, cujos motivos lhe foram comunicados. As regras aplicadas a esta formanda foram as mesmas aplicadas a outros formandos que frequentaram o mesmo curso e que já ditaram a eliminação de 6 formandos homens, incluindo Oficiais".

Marisa Pires está, desde segunda feira, colocada no Núcleo de Operações do Comando de Lisboa. 

Toda a polémica gerada em torno deste caso levou a Associação Sindical dos Profissionais da Polícia (ASPP/PSP) a pedir esclarecimentos à PSP para afastar a possibilidade de se tratar de um caso de discriminação devido ao género. O presidente da ASPP, Paulo Rodrigues, admitiu ainda que há falta de condições em várias subunidades para receber homens e mulheres.

Depois de afastada do curso, a campeã de muaythai foi condecorada, na terça feira, pelo Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, com a medalha de Ordem e Mérito. O Chefe de Estado quis premiar Marisa Pires pelo trabalho desenvolvido enquanto esteve à frente da PSP do Palácio de Belém. Antes desse cargo, Marisa Pires comandou uma esquadra na Penha de França, em Lisboa.

O curso do Corpo de Intervenção acaba a 27 de março, dia em que a unidade comemora o seu 42º aniversário.

 

Texto: Joana França/Kombat Press

Foto: Paulo Calado 

Lido 2722 vezes
Classifique
(0 votes)

Ultimas de Joana França

Relacionados

Faça login para comentar